Postagens recentes

22 abril 2015 1 Comentário

#RESENHA| A MAIS PURA VERDADE - DAN GEMEINHART (NOVO CONCEITO)



Confesso que comecei a ler A Mais Pura Verdade com certo receio de que fosse mais um livro dramático e meloso demais, porém, a história me mostrou totalmente o contrário e, antes de começar a falar dele, quero agradecer ao autor Dan Gemeinhart por ter tido a paciência de escrever essa encorajadora história e compartilhar conosco. E à Editora Novo Conceito por trazer até nós. A vocês meu sincero obrigado.

Durante a leitura aprendi várias lições que vou levar para vida toda: A Mais Pura Verdade não é um livro que fala sobre doença ou nossa insegurança enquanto seres humanos. Ele fala de tomar decisões e, como essas podem influenciar o resto de nossas vidas. Também trata de coragem e saber voltar quando é preciso. No começo da história nos deparamos com Mark e entramos brevemente em sua vida, conhecendo o motivo que o levou a seguir seu caminho até o pico mais alto de uma montanha no Monte Rainier. Conhecemos Beau. E a cada página lida nos apaixonamos mais por esse cãozinho marrom e de olhos castanho e verde. E por último, e não menos importante - diria até que ela tem um dos papeis mais fundamentais no enredo da história - conhecemos Jessie, ou Jess para os mais chegados. A história é narrada pelo próprio Mark, o que nos aproxima ainda mais de tudo que cerca o garoto. - O que achei bem interessante no livro é que, apesar de escrito em primeira pessoa, ele possui subcapítulos que são narrados em terceira pessoa dando um distanciamento e visão diferente dos fatos. Enquanto tudo ocorre podemos ter uma visão 360 graus. 

"Sozinho, estou deixando meu lar.
Uma nova jornada, uma nova estrada.
Para as montanhas agora." (trecho da página 13).

No primeiro momento Mark se distancia de tudo e todos para viver sua aventura e salvar a si mesmo. Ele acha que depois de tudo que já passou o melhor a fazer é seguir em frente e realizar seu grande sonho, antes que seja tarde demais. Ele está com raiva do mundo por tudo o que está acontecendo e, esse é o combustível que vai levá-lo até onde deseja chegar, mas será que esse combustível será suficiente e o correto a se usar?

Jess está apreensiva porque todos estão preocupados, mas só ela sabe o que realmente está acontecendo e o verdadeiro motivo para tudo isso. - Eu fiquei me perguntando durante toda leitura se teria a mesma postura dela, ou se, para salvar quem eu amo, abriria mão de um pedido tão importante. Em A Mais Pura Verdade aprendi o que é uma verdadeira amizade: 

"Mesmo a muitos quilômetros de distância,
um amigo ainda pode segurar sua mão
e estar ao seu lado." (trecho da página 27).

Durante sua jornada o garoto fraco e com raiva encontra compaixão em uma lanchonete. Dor e bravura durante uma caminhada obscura. Se sente a pior das pessoas e quase desiste, mas muda de ideia quando ouve anjos cantando ao amanhecer. Encontra uma garotinha: uma história, breve, porém, carregada de magoa e ressentimento. Tenta ser esperto, mas é pego. E, de novo, encontra compaixão que é deixada de mão pela raiva e o orgulho. Ele quase termina sua jornada abruptamente, quando tudo vira água e frio. Ele sente a chuva e é acolhido e abraçado pelo calor. Ele diz a verdade. Durante toda a jornada não se esquece de Jess e seus pais que estão ansiosos por sua volta. Ele sabe dos perigos e por tudo que já passou. Voltar não é uma opção. Então começa a jornada até que sua alma seja limpa de todo o medo e ele possa ver e sentir novamente o amor.

Durante todo o livro Mark, Jass e Beau vão ensinar lições valiosas. Cada um de sua forma. Um mostrará que quando há amor de verdade você é capaz de tudo para proteger. Outro mostrará o poder de uma verdadeira amizade. Mesmo sabendo que calar poderia ser o fim. E uma das lições mais verdadeiras e humanas que aprendi com eles foi que repensar e voltar atrás não é deixar de seguir o caminho, e sim, mudar de rota. 
Posso dizer que Mark sofreu no começo, meio e fim, mas no final tudo ficou bem. Que Jess teve momentos de dúvidas entre o certo e o errado, mas que no fim pôde abraçar novamente seu amigo. E que Beau, apesar de tudo, ficou bem, mais forte e continuou ao lado do seu dono. - Eu terminei essa leitura com os olhos cheios de lágrimas. Tudo pareceu tão real que eu pude tocar, sentir cheiros e caminhar junto com os personagens. Eu não diria que indico o livro, porque indicação pode ser aceita ou não. Eu te digo leitor, você é mais que obrigado a lê-lo. Depois de tudo só me diga se também não queria ter feito parte dessa história? Essa é a Mais Pura Verdade. 


 "Há mais de um tipo de verdade. Existe a verdade que você pode me-
dir, a verdade dos mapas, dos gráficos e dos livros de história. E talvez,
nesse tipo de verdade, Mark não tenha chegado ao topo." (trecho da página 216).  


Nome: A Mais Pura Verdade
Autor: Dan Gemeinhart
Edição:
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581636337
Ano: 2015
Páginas: 224
Nota     


Um comentário:

  1. Adorei, me deu mais vontade de ler. Só falta o meu chegar, né? :)

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é imprescindível para avaliar nosso trabalho.

Obrigado!